Blog de informações sobre hip hop, rap brasileiro e cultura de rua

Tire suas dúvidas sobre o Indie 09

Rodrigo_Brand_o_MameloDound_System_

Rodrigo Brandão (Foto retirada do blog danortepromundo.blogspot.com)

O Indie Hip Hop celebra 10 anos desde o primeiro Dulôco – por E. Ribas

O festival Indie Hip Hop comemora 10 anos em 2009, desde a primeira edição do Dulôco, back in 99′. Por esse motivo, essa edição será toda especial: terá exposição de fotos de Indies passados, trará duplas de grupos e MC’s juntos no palco para celebrarem o evento, além do povo que lançou trabalho nesse ano e uma das atrações internacionais mais aguardadas em todo o festival: o nova-iorquino Mos Def.

Apesar do festival estar marcado para o primeiro fim de semana de dezembro, algumas dúvidas restaram sobre o formato das apresentações, por exemplo. Eis que o Per Raps fez essas perguntas para um dos organizadores, Rodrigo Brandão, para que não reste dúvida alguma sobre o assunto.

Uma das coisas que mais impressionou foi a mudança de formato do festival, já que teremos muitos nomes no palco. Por quê a mudança? “O Indie foi ampliado pra comemorar uma década de trabalho, feito com amor e dedicação”, concretiza Brandão. Segundo ele, o festival é um evento bem-sucedido, ainda mais se repararmos que foi feito em um “campo minado e pantanoso”.

Outra novidade importante é a forma como essas atrações nacionais foram divididas. Tudo acontecerá em dois blocos, sendo que o primeiro contará com apresentações em duplas de grupos e MC’s que fizeram história no evento. Serão eles: Inumanos (RJ) e Max B.O., Contra Fluxo e Espião (Rua de Baixo), Kamau e Parteum (Mzuri Sana), e Mamelo Sound System junto do Elo da Corrente. O outro bloco seguirá o modelo tradicional, que abrirá espaço para os nomes que fizeram barulho durante o ano, lançando trabalhos relevantes.

Eis que ai terão espaço dois representantes de Sampa City, Pizzol e o grupo Pentágono, um carioca, A Filial, e o curitibano Nel Sentimentum. Todos presentes no palco terão 20 minutos de apresentação, até para que todos possam mostrar seus trabalhos.

Para complementar as apresentações e deixar o evento ainda mais agitado, assumem as pick-ups os Dj’s PG e Pathy Dejesus, além do internacional Mista Sinista (EUA), conhecido como um dos mestres do turntablism, que também ministrará uma oficina para Dj’s especializados em scratch no domingo, das 16h às 18h, aberta ao público ouvinte.

Aqueles que comparecerem ao evento também encontrarão uma exposição de fotos, que marcará 10 anos de evolução do rap nacional e mostrará a passagem de diversos nomes de peso do rap mundial por Santo André, Brasil. Para quem acompanhou, foram pedidas algumas fotos do Indie via Twitter, mas quem explica o critério de escolha das imagens que participarão da exposição é o próprio Rodrigo. “Foi feita uma pesquisa, e a partir daí uma seleção baseada no critério artístico. Nem sempre é a atração principal do evento, mas sim a melhor imagem”. Sendo assim, se a foto marcar um momento importante do festival, terá mais valor do que uma foto tecnicamente bem feita ou da atração gringa do dia.

Outro motivo que animou muita gente a participar do Indie deste ano será a presença do MC e ator, Mos Def. Parceiro de Talib Kweli no conceituado “Black Star”, que também comemorou 10 anos há pouco tempo, o rapper estava em turnê após lançar seu ótimo quarto disco, “The Ecstatic”. Muito se falou em uma possível apresentação com a Banda Black Rio, já que eu seu último CD, Def usou um sample dos brasileiros para criar “Casa Bey”. Mas vai realmente acontecer esse encontro no palco entre um MC mais que renomado e um a banda lendária? “O Mos Def quer fazer a faixa ‘Casa Bey’, sampleada da versão de ‘Casa Forte’ feita pela Black Rio, no clássico disco Maria Fumaça (1977), com a banda nesses shows. A principio será só essa faixa, mas nunca se sabe o que pode rolar quando eles se encontrarem pra ensaiar!”, responde Rodrigo Brandão empolgado.

A última pergunta que não quer calar se refere a Emicida, que foi um dos nomes que mais movimentou a cena rap brasuca em 2009. No entanto, ele lançou apenas uma mixtape, e já foi esclarecido em outras oportunidades que o critério do Indie Hip Hop exige que o artista tenha lançado um CD. No entanto, não foi esse o motivo da não-presença do rapper no quadro de atrações. “Ele foi convidado a participar, mas declinou a proposta por conta do tempo de show ser curto”, relata Brandão. No entanto, assim como o próprio organizador complementou, “fica pruma próxima”.

Os demais elementos da cultura hip hop não foram esquecidos; serão representados pelo b-boy Ken Swift (EUA) e pelos irmãos OsGemeos, que dispensam apresentações e trazem ainda pintores convidados, apresentando um panorama de estilos e gerações variadas. Confira abaixo a programação completa do evento.

131208-174

O resultado do sucesso do Indie Hip Hop 08': casa cheia

Festival INDIE HIP HOP ’09: Especial 10 anos Dulôco

SÁBADO (05/12), das 16h às 22h
Dj PG e MC Xis
Pizzol, Pentágono, Inumanos+Max B.O., Contra-Fluxo+Espião e Mos Def (participação da banda Black Rio).

DOMINGO (06/12), das 16h às 22h
Dj Pathy Dejesus e MC Thaíde
Nel Sentimentum, A Filial, Kamau+Parteum, Mamelo Sound System+Elo Da Corrente e Mos Def (participação da banda Black Rio)

SESC Santo André (Espaço de Eventos)
Rua Tamarutaca, 302 – Vila Guiomar
Santo André – SP
Tel.: 11 4469-1200

Ingressos: R$ 16,00 [inteira], R$ 8,00 [usuário matriculado no SESC e dependentes, +60 anos, professores da rede pública de ensino e estudantes com comprovante] , R$ 4,00 [trabalhador no comércio e serviços matriculado no SESC e dependentes]

Anúncios

5 Respostas

  1. Gde evento – espero um dia tocar lá com os Homens do Pântano

    novembro 13, 2009 às 16:10

  2. cruzando os dedos e torcendo muito, para que Black Rio e Might Mos façam uma surpresa boa.

    novembro 16, 2009 às 13:59

  3. Luiza

    esperamos por mos def

    novembro 18, 2009 às 15:02

  4. Dedê

    queria ver o pentagono tocando mais tempo

    novembro 19, 2009 às 22:57

  5. Sem dúvida um dos maiores eventos ja realizados no Brasil, quanto as atrações acredito que devemos mostrar oque temos de melhor na cena ! Alguns ja são de casa por isso apresentam o projeto. Em leitura a matéria verifiquei que houve uma polêmica quanto ao tempo de apresentação que foi resumido a 20 minutos , ressalto que todos os anos foi assim mesmo sem participar e todos artistas independentes do Brasil calejados na cultura Hip Hop sabem disto. Enfim não faço parde da organização devido a isso só ressalto. Agora é aguardar Mos Def mostar seu trabalho a nós.
    Em 2010 quem sabe se extenda para 30 minutos de apresentação, então vamos torcer para isso ! Enquanto isso não ocorre vamos dançar conforme a música.

    Critica: É por isso que o Brasil não vai para Frente ! Muita gente critica e não opina !

    I will wait see all people inside of Indie HIP HOP 2009.

    novembro 23, 2009 às 13:53

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s