Blog de informações sobre hip hop, rap brasileiro e cultura de rua

Hip Hop Style

Quem nunca se inspirou no estilo Old School?

Quem nunca se inspirou no Old School?*

Você pode achar que não, me xingar ou até torcer o nariz, mas o Hip Hop é moda!– por Nathália Leme

Acalme-se! Isso não é uma coisa ruim, muito pelo contrário: isso é a prova de que muitas pessoas de fora do movimento estão de olho no estilo de vida que desenvolvemos e como a moda pode traduzí-lo. Quer ver só?

Em 2005, a Adidas lançou a “My Adidas“, coleção inspirada e batizada com o nome de uma música do grupo Run DMC, que criou um ícone visual e cultivou o estilo Hip Hop dos anos 80.

Adidas Run DMC

Adidas Run DMC*

No mesmo ano, a marca, ainda de olho no cenário Hip Hop mundial, lança uma pequena coleção que mais tarde se tornaria uma das mais vendidas desde 2006, homenageando Missy Elliott.

A coleção batizada como “Respect M.E.” chegou ao mercado brasileiro na mesma época em que o CD “The Cook Book” foi lançado e trouxe uma história curiosa: você já imaginou uma briga entre uma rapper e uma rainha?

Pois é, aconteceu. A rainha da Dinamarca, Margrethe II, arranjou uma “treta” com a Missy Elliott por causa do emblema da grife que, segundo a rainha, tinha o logotipo era muito parecido com o emblema oficial do seu reinado (M estilizado embaixo de uma coroa).

E não é só isso, não. A cantora M.I.A tem não só uma coleção, mas sim uma marca! A cantora “made in” Siri Lanka lançou a marca Okley Run, e sua inspiração veio do encontro com Okley Leslie, um caribenho albino de 16 anos que vivia numa ilha. M.I.A retratou o garoto como modelo da sua marca que traz calças justíssimas em neon, moletons com estampas malucas e camisetões, todas as peças criadas por ela.

Okley Leslie, a inspiração de M.I.A

Okley Leslie, a inspiração de M.I.A*

Mas se a moda das cantoras não te interessou, eu posso te dizer que o De La Soul e as capas de três discos (3 Feet and Rising, Stakes is High e AOI: Bionix) foram a inspiração da marca americana Undrcrwn e sua coleção Music Series.

As estampas das camisetas foram inspiradas em elementos das capas e na parceria da banda com a Nike para criar os primeiros Nike X  De La Soul Dunks.

A Undrcrwn também já fez uma linha exclusiva com o estilo Mos Def de se vestir, que também tem um modelo de tênis pela Adidas, lançado esse ano.

Music Series 2009

Music Series 2009*

Esse flerte entre a moda, indústria sneaker e nomes do Hip Hop já não é  novidade, vide toda a trajetória de ambos começando nos anos 70 com os B-Boys até o hype Kanye West, suas roupas e seus pares de tênis.

A moda não é nosciva para a cultura, se é isso que você está se perguntando. Ela é uma expressão, mas que perde todo o sentido se não estiver acompanhada de atitude. Portanto de nada adianta usar as roupas e não “vestir a camisa” do movimento, não é?

*Fotos de divulgação.
____________
Encontro

flyernoiz_internet

Muito em breve será lançado um novo site dedicado a cultura de rua; o Noiz. A proposta desse novo espaço é a de “entrar na cena para somar”. Aproveitando a deixa, acontece neste sábado, no CEU Butantã, uma roda de perguntas com Emicida e Max B.O. Você terá a chance de perguntar aos dois MC’s tudo que sempre quis.

Show

Rincon Sapiencia

Neste sábado, 11 de junho, o MC Rincon Sapiência se apresenta com seu show no Hole Club em São Paulo. A festa ainda conta com a discotecagem dos DJs: Marco, Nuts e Nyack.

Rincon Sapiência @ Hole Club
Hole Club: Rua Augusta, 22o3, Jardins – São Paulo – SP
Ingressos de 10 a 15 reais
Homem R$ 15, com Flyer 12 – Mulher Vip até meia noite, após R$ 10
Informações: http://www.holeclub.com.br

Anúncios

4 Respostas

  1. Marcos

    Esse adidas, tenho um, não RUN DMC mas sim um star bling.

    julho 11, 2009 às 14:14

  2. A Adidas está de olho no Hip Hop faz tempo.

    Em 1986 a marca percebeu o potêncial do gênero com a música “My Adidas”, do Run DMC.

    A história conta que executivos da Adidas vieram da Alemanha assistir a um show do grupo. Em determinado momento do evento, Run pede para que a platéia que, quem estivesse usando Adidas levantasse um dos pares.

    Milhares de pessoas o fizeram.

    Isso rendeu ao grupo um patrocínio de 1,6 milhões de dólares na época.

    Pela primeira vez em sua história, a Adidas patrocinou algo não relacionada ao esporte e relação entre os dois dura até hoje.

    A história está no documentário de 2005 “Just for Kicks”.

    Quem se interessar, pode assistí-lo aqui:

    julho 11, 2009 às 22:24

  3. Sergio Carvalho

    Parabéns pelo texto Nathalia.
    E concordo plenamente, o rap está a um bom tempo na moda, basta abrirmos os olhos e a cabeça principalmente.
    Parabens novamente.
    Serjão

    julho 12, 2009 às 00:12

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s