Blog de informações sobre hip hop, rap brasileiro e cultura de rua

As ruas e o pixo

As ruas e o pixo – por Nathália Leme

Quando se fala em arte de rua, a primeira coisa que vem à cabeça é o grafite que estampa as paredes da cidade. Mas pensando bem, nem toda estampa é feita pelo o grafite. Temos a pichação também mas ao contrário do grafite não recebe status de arte.

Considerado por muitos uma agressão, o visual da pichação está diretamente ligado à forma como ela é vista e percebida. Muitos jornalistas, fotógrafos, especialistas em piXo acreditam que essa estética é para agredir mesmo. E não são só eles que acham. E o que será que a pichação representa para quem a faz?

Segundo o fotógrafo Choque em entrevista ao IG Jovem, a pichação funciona como uma válvula de escape. “…é um modo de diversão, forma de protesto contra a sociedade. Para mim, uma forma de aparecer também”- conta Tatei pichador há 20 anos.

Com toda a sua identidade peculiar, essa comunicação urbana usa uma linguagem tão própria que não faz a mínima questão de ser entendida pela sociedade. Segundo o pichador há 14 anos RHip Hop, o picho nunca será como o grafite porque aos olhos da sociedade é feio, além de ser ilegal. Talvez por isso não ganhe os espaços das galerias, mas esse nem é o objetivo.

A pichação não se faz para ser entendida e nem esteticamente apreciada. O valor de pichar pode estar em se arriscar, em sentir toda a adrenalina de fazer o ilegal. Mas para alguns não é só isso, “ A maioria começou por não ter opção de lazer e a pichação, quer queira quer não, é lazer”-comenta RHip Hop”. “é uma mistura de hobbie, vício e protesto’- completa Naldo atuando desde 1993. Esse lazer já passou por algumas evoluções, de quem vê e de quem faz.

sp_pichadores2

Até 1995, o grafite e a pichação eram tratados como vandalismo. Até que através de trabalhos dos irmãos Gustavo e Otávio Pandolfo, osgemeos, o grafite alcançou status de arte fora do país e por aqui começou a ser aceito por se aproximar do que a maioria acredita ser arte. O mesmo não aconteceu com a pichação que não é muito difundida em outros países.

Hoje em dia o grafite é arte e o picho continua sendo crime ambiental nos termos do art. 65, da Lei 9.605/98, com pena de detenção de 3 meses a um ano além de multa. Se o ato for realizado em monumento ou imóvel tombado por seu valor artístico, arqueológico ou histórico, a pena passa a ser de 6 meses a um ano, e multa . Os processos são comuns “Tomei um processo em 98 e outro dia 2 de janeiro desse ano” conta RHip Hop.

Ainda assim há uma evolução, ou pelo menos uma tentativa. Tanto que existem projetos que apoiam a legalização do picho, mas para muitos dos pichadores isso implica em perder toda a graça da modalidade. Para a sociedade em geral, a evolução de todo picho é virar grafite. Mas há controversas, e não são poucas. “Pichador é pichador. Picho é piXo. Grafite é grafite e por aí vai”- emenda.

Depois de toda avalanche de idéias em relação à esse assunto, veiculada na mídia ou não, discutida ou não, pra você qual é o caminho da arte de rua?

Você acha que a pixação é arte/manifesto legítimo ou vandalismo? Comente!

_____________________

8-bits, Festa e promo camiseta “Na Humilde”

8bithiphop

Imagine uma mixtape de músicas com Jay Z, Kanye West, T.I, Ludacris e outros grandes nomes do rap norte-americano. Seria bem interessante, certo? E se essa mix tivesse beats em 8-bits (sim, como nos videogames!). Pois então aperte o play abaixo e curta essa idéia. Se gostar, comente e nos diga o que achou!

http://thetapeisnotsticky.com/uploads/2009/03/8bithiphop-1.mp3″

Tracklist

Jay-Z , “Dirt Off Your Shoulder”
T.I, “What You Know”
Chamillionaire, “Ridin’ ”
Ludacris, “What’s Ya Fantasy”
Bonecrusher, “Neva Scared”
Kanye West, “Gold Digger”
Ludacris, “Move B*tch”
Lil’ Jon, “Get Low”
Kanye West, “Gold Digger”

casa-di-caboclo-no-zoeira

Zoeira SP com Casa Di Caboclo

Neste sábado, a Zoeira promove uma edição especial que reúne artistas do selo Casa 1. A atração principal fica por conta do Casa Di Caboclo . A noite também terá participações especiais dos MC’s Ralph e Kene (A Tropa) e a abertura fica por do Grilo 13, que lança seu novo videoclipe “Nossos Destinos”.

Além das atrações do pocket-show, a pista será comandada pelo Dj Kefing (Lua e Tapas Bar), que estará comemorando o seu aniversário nesse dia, os Selectors Bside (Flow Papa Nego e Tiago Canzian ‘Escaleta’) e o Dj Gusta. Haverá ainda uma exibição do video de skate “Ainda é só o começo“. Apresentação por Marcello Gugu (Afrika Kids Crew) e Lenda (Pacho’ls).

Zoeira SP na Hole Club
Rua Augusta, 2203 – Jardins (dentro da Galeria América) – Metrô Consolação
A partis das 23h30
Preço: R$15 ou R$10 com flyer e nome na lista (zoeirahiphop@gmail.com)
Mulher FREE ate a meia-noite

a-rua-e-noiz

per-raps-logo

A Per Raps Promo ainda não acabou! O prazo foi prorrogado até segunda-feira (23/03), por isso escreva já o seu comentário e concorra a uma camiseta “Na Humilde Crew”. Clique aqui e saiba como participar!

Anúncios

6 Respostas

  1. Thássio

    Caraio, “Ridin’ “ ficou muito foda
    ahahahahah

    março 21, 2009 às 11:14

  2. ae, muito foda os beats em 8bits, chapei
    tiu, muita fé e sucesso maior ainda pro Per Raps
    God Bless…………..

    março 21, 2009 às 13:30

  3. Underlock

    Graffiti….

    O grafitti até onde se sabe surgiu da pichação – uma evolução – forma de protesto… E a pichação ao menos foi uma forma de protesto e deve ser respeitado por isso nos tempos de hoje.

    Hoje a maioria dos pichadores está querendo mostrar a sua arte de alguma maneira, esquecendo a forma de protesto que a pichação pode ter, quando ao invés de protesto se picham casas, monumentos e o seu muro com mensagens na maioria das vezes sem nexo.

    Respeito os grafiteiros e os pichadores que tem algo realmente a dizer.

    março 23, 2009 às 19:57

  4. Tunay

    Acredito que pixação é puro vandalismo, quer fazer arte, desenho ou rabisco, faça respeitando o que é dos outros e o que é de todos, sendo assim pode pixar até o nariz que eu não me incomodo.

    março 25, 2009 às 13:10

    • marcos

      A pixação e o grafiti não é vandalismo é arte, as pessoas que ve essa arte de um outro lado!

      julho 27, 2009 às 19:44

    • anistia

      Acho q vc deveria procurar em saber mais.Pichadores só pichão o q é dos outros pq talves assim o governo de merda que nó temos tome vergonha na cara, pra parar d pensar só em dinheiro e começar a tomar atitudes, melhorias de emprego, moradia, saude etc… E uma forma que os pichadores encontraram é mostrando q estão aqui para causar impacto, temos tambem os que fazem apenas por IBOPE OU FAMA, mais pichador que é pichador tem um objetivo chamar a atenção nem que seja deichando a cidade toda ou qualquer patrimonio PRIVADO ou PUBLICO de uma forma que irrite as pessoas. (forá que é muito bom ver a policia se preocupando, a adrenalina de chegar balançar a lata, ouvir a bolinha, sentir o cheiro da tinta ou então ver o rolinho deslizar pela parede) E creio que seja arte tbm pois assim como o grafite é uma forma de expressão, só é menos colorida e mais presente no cotidiano do que a arte do grafite, que um dia tbm já foi pixo e só foi legalizada pq as pessoas gostam de ver desenhos bem feito e pintados.

      agosto 14, 2009 às 02:09

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s