Blog de informações sobre hip hop, rap brasileiro e cultura de rua

Made for Skate + Dicas

madeforskate-capa

Made for Skate por Nathalia Leme*

Quem se amarra no conteúdo do Per Raps a partir de agora também pode entrar de sola na cultura urbana. Curiosidades e fatos relevantes pra você sacar muito do que as ruas têm a dizer através do comportamento e até da moda de quem passa por ela. O primeiro capítulo de uma história contada meio fora de ordem vai ser a importância do sneaker, que agora está tão em voga, na história do skate. 

O bom e velho par de tênis que hoje é capaz até de ditar regras de moda, mas em  meados 1960, logo depois do surgimento  do skate,  já fazia a diferença. A história do carrinho pode ser contada através dos tênis que já pisaram em suas lixas. A prova disso é que recentemente foi lançado um livro, que conta toda a trajetória dos tênis feitos para andar de skate, nunca antes contada em livros ou revistas especializadas.

Batizado de “Made for skate” o livro conta relatos de cada época com fotos desse mercado que influencia o mundo fashion e chega a movimentar cerca de U$ 800 milhões ao ano. Curiosidades sobre o romance tênis e skate são documentadas em 400 páginas com fotos raras que foram disponibilizadas na internet. No site da Made for Skate é possível folhear algumas páginas e descobrir quem foi o primeiro profissional a assinar um modelo de tênis de skate, por exemplo.

Esse ai é o modelo do tênis Rainha citado no texto.

“Made for Skate” é mesmo um importante documento para a história do carrinho e o Brasil também foi lembrado em suas passagens com o Rainha Skating, tênis produzido pela brasileira Rainha nos anos 80 (imagem abaixo). Além disso, um dos grandes nomes do skate brasileiro, Álvaro Porquê? ilustra uma das fotos do capítulo “Anos 90- Nike Dunk”, num belíssimo wallride na quase extinta, para skatistas, Praça Roosevelt. Mas esse pode ser um outro capítulo. 

alvaro-porque

*A Nathalia Leme é jornalista e já trabalhou como assessora de imprensa de conhecidas marcas de skate e surf, além de ser repórter da Vista Skateboard Art. A partir de agora, ela também colabora com o Per Raps. Bem vinda!
_________________________________________________

Festas

Parece que as coisas voltaram a funcionar mesmo. Para quem estava sentindo falta, os shows de rap estão de volta a São Paulo. Pra começar, na primeira “quarta-feira (4) rap” do ano, duas grandes atrações.

Emicida (segunda parte da entrevista ta chegando e vem com surpresa da Na Humilde Crew de brinde) se apresenta no Café Aurora, na Bela Vista, em festa que contará com as discotecagens de Dj Tati Lazer e Dj Dan Dan.

emicida-aurora

Já na região de Higienópolis, o Pentágono mostra o seu mais novo lançamento, o disco Natural, na nova festa Quarteirão, que vai rolar na Jive em todas as quartas-feiras de março. Nesta primeira edição, os toca-discos ficam por conta de Dj Keffing (Lua), Dj Marco (Céu) e Dj Nando. Já para adiantar, os “monstros” das próximas quartas já estão escolhidos. São eles, nada mais nada menos do que Flora Matos (11), Marechal (18) e a atração internacional Pace and Mr. Green (25). Vai perder alguma?

quarteirao

Nesta sexta-feira (6), mais um show, desta vez daquele que mais agitou o público no último festival Indie Hip Hop: Doncesão. Ele se apresenta ao lado de sua banca, a 360 Graus Records, no CCPC, na rua da Consolação, em evento promovido por Elza Cohen. A discotagem é cortesia de Dj Big Edy (Contra Fluxo) e Dj Caíque.

be-rep1

Ps.: Prestigiem! O rap nacional precisa de vocês.

___________________________________________

Grafite brasuca no iPhone

gejoiphone

 

Start Mobile em parceria com a QAZ – Arte Urbana vai lançar em breve no mercado internacional um incrível aplicativo que coloca a arte de nossos Grafiteiros dentro do iPhone da Apple.

A empresa americana lançou na semana passada uma amostra grátis que esta sendo distribuída pelo aplicativo itunes com fotos dos quartos pintados por artistas famosos no Hotel des Arts em San Francisco (EUA).

A seguir virão pacotes com imagens temáticas sobre shepard Fairey, Vulcan, Chor Boogie e os artistas brasileiros, entre outros. Os brasileiros que participam são: Binho Martins, Emol, Feik, Gejo (imagem ao lado), GEN, Mateus Bonini, Nick_Alive e Rodrigo O branco.

As imagens estão acompanhadas por informações sobre os artistas e podem ser vistas ao clicar na imagem. Como um cartão postal a figura vira e mostra o verso com informações. Este tipo de divulgação da street art é feito pela primeira vez no mundo e nossos artistas estão lá!

Fonte: Revista Elementos

Anúncios

Uma resposta

  1. Demais!! Eu tive este Rainha Skating por volta de 1989.. saudades !!
    Parabéns pelo livro!
    Att

    março 24, 2009 às 19:45

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s