Blog de informações sobre hip hop, rap brasileiro e cultura de rua

Nerds também rimam*

Há algum tempo podemos acompanhar a “invasão nerd” na cultura pop mundial. O hype gerado em torno da antes excluída tribo é tanto que suas influências tiveram repercussão em praticamente todos os aspectos da cultura global. Destas influências, entre várias outras novidades, surgiu o Nerdcore, também chamado de nerd rap ou nerd-hop.

O Nerdcore nada mais é que o bom e velho hip-hop abordando temas de interesse do público nerd, utilizando-se de diversas referências em meio às rimas para agradar esse seleto grupo. Porém, a criatividade e inabilidade natural dos artistas deste meio fizeram com que o sub-gênero fosse apreciado por um público diverso e muito maior que o esperado.

O MC Frontalot fazendo pose no palco

O MC Frontalot fazendo pose no palco

O músico MC Frontalot pode ser considerado o “pai” do Nerdcore, tendo como primeiro rebento a música “Nerdcore Hiphop“, que fala, basicamente, de rap e nerds. O termo, criado por Frontalot, passou a ser sinônimo das músicas de temática ou referência nerd com batidas e samples que vão de Vanilla Ice à Mozart.

Apesar de parecer uma festa, o Nerdcore é bem organizado. Os artistas desse gênero passam por uma imersão forte e apenas os considerados dignos podem se proclamar pertencente ao grupo. Com o passar dos anos, diversos artistas surgiram para reforçar as fileiras do divertido gênero musical, como Optimus Rhyme e MC Chris, famosos entre os devotos.

O Nerdcore só ganhou força e expressão após 2004, na primeira Penny Arcade Expo (convenção organizada pelos criadores da web comic homônima). Tímido neste primeiro momento, o gênero ganhou força nas edições dos anos seguintes, com shows e espaços dedicados somente à música nerd.

Em 2006, o rapper High-C criou o primeiro site dedicado totalmente ao Nerdcore, o NerdcoreHipHop.org. O site tornou-se rapidamente o centro virtual do gênero, parecido com o que o Hype Machine é para os indies. High-C também criou a primeira coletânea de nerd-hop, a “Rhymetorrents Compilation“, que tornou-se uma tradição para os seguidores do gênero.

Tamanha foi a repercussão do Nerdcore que dois filmes/documentários foram feitos sobre a trajetória do gênero em 2008: Nerdcore Rising e Nerdcore For Life. “Rising” acompanha a primeira turnê pelos EUA do precursor MC Frontalot e “For Life” faz uma análise do gênero e conta com a participação de mais de trinta músicos. É um ótimo ponto de partida para quem quer conhecer melhor o Nerdcore.

Para ouvir:

MC Frontalot
MC Chris
Optimus Rhyme
YTCracker
NerdcoreHipHop.org
Rocket Propelled Radio (rádio online do selo EMPulse Records, que apóia o Nerdcore)

*Fernando Barone especial para o Per Raps.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s